Herval é pioneiro na Região em Programa de Açudagem para Agricultura Familiar

Uma grande oportunidade para o desenvolvimento da Agricultura Familiar e que coloca Herval pelo estado como pioneiro em um projeto piloto na região, integrado entre Consórcio Azonasul (sete municípios), SDR/Emater e produtores. O Programa de Açudagem para Agricultura Familiar, que beneficia 14 produtores  financiado pelo Fundo de Recursos Hídricos do Estado do Rio Grande do Sul, ligado a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Rural e Cooperativismo (SDR), com a parceria e apoio técnico da EMATER. A inauguração de três dos 14 açudes foi realizada na manhã da quinta-feira,11, nas propriedades rurais com a presença de autoridades do Estado e municípios que formam o Consórcio.

Participam  do Consórcio o município de Pedras Altas, gerido pelo também Presidente deste consórcio, Bebeto Perdomo, Pelotas, Arroio Grande, Pedro Osório, Cerrito, Jaguarão e Herval. O objetivo principal deste projeto em Herval é a construção de açudes para irrigação de água, visando a implantação de projetos de irrigação para pastagens fortalecendo a atividade leiteria, culturas de grãos e horticultura, também poderá ser usado para piscicultura como conta seu Wolnei Helwig, da localidade Terra do Sol, um dos contemplados, que espera encher o açude de peixes, abastecimento e irrigação.

– Essa espera já é de muitos anos, não teria condições financeiras para o projeto, mas com a contrapartida num valor tão baixo a gente consegue pagar, comemora o produtor.

A escolha dos produtores foi acertada na reunião do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural junto com as 22 associações, a capacidade técnica e produtiva e áreas foram fatores decisivos na hora da escolha dos produtores interessados, após este processo cada presidente ou representante das associações levou o nome do interessados para o encontro mensal que acontece toda a 1ª quinta-feira de cada mês, por meio de sorteio, no local, foram escolhidos os contemplados.

As responsabilidades do projeto ficam a cargo de todos os envolvidos, a SDR cede o maquinário, coordena e supervisiona os trabalhos através da Coordenação Regional; Azonasul é responsável pela articulação com os municípios envolvidos no programa, definição do cronograma de trabalho, administração do fundo e manutenção das máquinas e prestação de contas junto ao Governo do Estado; Município dá o apoio logísitico na operacionalização das obras, cedência de funcionários nas obras, fornecimento de combustível, apoio e manutenção das máquinas e cronograma de execução dentro do município; Emater é responsável pela elaboração dos projetos técnicos, encaminhamento e licenciamento ambiental, acompanhamento técnico na execução das obras e supervisão regional junto a Coordenação da SDR; Produtor, contrapartida, pagamento do combustível gasto na obra, hora máquina de R$ 30,00 para fins de manutenção e alimentação para os operadores.

Herval foi escolhido como pioneiro, por conta da disponibilidade do município, pela organização exemplar de CDMR e pela agilidade na montagem dos projetos técnicos. O Secretário de Agropecuária e Desenvolvimento Walmir Milliorança, explica que a área rural está em pleno desenvolvimento, hoje são mais de 100 projetos na pasta, muitos deles já em andamento e outros chegando todos os dias, como o Troca Troca de Sementes, formação de Pomares, parceria com cooperativas, ovinocultura, inseminação artificial entre outros, quase todos ele sem custo para o produtor, ou valores muito abaixo do preço de mercado.

Estiveram presentes na inauguração, o Secretário de Estado de Desenvolvimento Rural e Cooperativismo, Tarcísio José Minetto, Coordenador Adjunto da Defesa Civil, João Carlos Domingues, Deputado Estadual Elton Weber (PSB), Deputado Estadual Catarina Paladini (PSB), Coordenador Regional da SDR, João Carlos Caldeira, Coordenador Regional da  da Emater, Luiz Maria Miranda Godói, Prefeito de Arroio Grande, Henrique Pereira, Vice Prefeito de Cerrito Alexandre da Silva Rosa, Presidente da Câmara de Vereadores de Pedras Altas, Mário Teixeira, representando o Prefeito Bebeto Perdomo, Vereadores dos demais municípios presentes, Secretários e pessoas ligadas a temática.

O prefeito Rubem Wilhelnsen orgulhoso com o primeiro ano de gestão que já reverbera em toda a comunidade debateu com todos os envolvidos e explicou que a organização das Associações e Conselhos é uma política que dá certo e que com a participação e união de todas as esferas e atores do cenário político, as transformações podem ser muito mais rápidas e com custo mais baixo para a comunidade.

–  Aqui em Herval essa política de organização de associações e conselhos vem de muitos anos, desde minha primeiras gestões há 21 anos, hoje, sem medo de ser vaidoso falo com convicção que dá certo e a prova é receber e tocar com tanto esmero um projeto desta natureza, com o apoio de todos e principalmente da Emater Herval  chegamos ao êxito e vamos colher muitos frutos de tudo que estamos semeando em nossas terras. Comemora Rubem.

O secretário de Estado da SDR, Tarcísio Minetto, falou sobre os projetos da Secretaria e explica que por conta de Herval estar em uma região de estiagem (30% menos de chuva que outras regiões) este projeto vem de uma demanda de buscar alternativas para a reservação de água, uso para irrigação, consumo dos animais e os casos específicos da formação de pastagens para produção de leite. Quanto a organização das associações em Herval o secretário enxerga de uma forma muito positiva que só vai gerar benefícios para a comunidade.

–  Cada vez mais os recursos estão escassos, temos uma necessidade muito maior de buscar integração para tocar os projetos, Herval é um exemplo de êxito da necessidade de nos unirmos, no caso Consórcio, Estado/Emater, Município e produtores. Isso,  otimiza e reduz custos e trabalho e é bom pra todos, pro município, comunidade, contribui no desenvolvimento local, regional e como consequência pra todo o Estado, complementa.

Açudes Prontos

Nesio Pereira

Volume de Terra movimentada: 3730M³

Volume de Água Armasenada: 10000M³

Potencial de Irrigação: 4,0 hectares

Horas Máquina trabalhadas: 48 horas

Consumo de Óleo Diesel : 816 Litros

Contrapartida do Produtor – Valor Total: 4.263,00

Fundo de Manutenção:R$ 1.440,00 – Consórcio

Valor Combustível: R$ 2.823,00

IMG_1874

Wolnei Hellwig

Volume de Terra movimentada: 3730M³

Volume de Água Armasenada: 10000M³

Potencial de Irrigação: 4,0 hectares

Horas Máquina trabalhadas: 48 horas

Consumo de Óleo Diesel : 816 Litros

Contrapartida do Produtor – Valor Total: 4.263,00

Fundo de Manutenção:R$ 1.440,00 – Consórcio

Valor Combustível: R$ 2.823,00

IMG_1865

Edinaldo Azevedo

Volume de Terra movimentada: 1377M³

Volume de Água Armasenada: 2575M³

Potencial de Irrigação: 1,0 hectares

Horas Máquina trabalhadas: 35 horas

Consumo de Óleo Diesel : 595 Litros

Contrapartida do Produtor – Valor Total: 3.108,00

Fundo de Manutenção:R$ 1.050,00 – Consórcio

Valor Combustível: R$ 2.058,00

Não estava presente